sexta-feira, 18 de junho de 2010

8º Encontro - Infancia de Jesus

Os anos de silêncio em Nazaré da Galiléia

Acolhida: Como foi a Semana? Cumprimos o compromisso da semana passada de acolher bem as pessoas?

Oração Inicial: Espírito Santo

Trabalhando o tema:
Vimos que Jesus veio ao mundo como nós, nasceu como humano, o que antes era verbo, agora se fez homem e veio habitar entre nós.
Quando Jesus veio ao mundo, ele nasceu da Virgem Maria e com o passar dos anos, ele foi se desenvolvendo como qualquer criança, descobrindo as coisas, aprendendo a falar, andar, etc. Como todos nós. Ninguém podia imaginar que o “filho do carpinteiro” fosse Deus.
Naquela época era costume apresentar a criança no templo, lugar de oração; assim como hoje quando nasce uma criança, os pais a trazem para a igreja e o Padre apresenta essa criança para a comunidade.
Quarenta dias após o nascimento do Menino, Maria e José levaram-no a Jerusalém (vamos ver o mapa na pg 6) para o apresentarem ao Senhor, aconteceu um fato, havia em Jerusalém um velho, chamado Simeão, homem justo e temente a Deus, a quem o Espírito Santo tinha revelado que não morreria antes de ter visto o Salvador. Levado por inspiração divina, Simeão foi ao templo. Recebeu o Menino Jesus nos a Deus, noite e dia, em jejuns e orações. seus braços e louvou a Deus, dizendo: "Agora posso morrer em paz porque os meus olhos viram o Senhor".
Também havia em Jerusalém uma piedosa viúva de 84 anos, chamada Ana. Servia apareceu também nessa ocasião e pôs-se a louvar ao Senhor.
Então depois de Maria e José apresentar Jesus no templo eles partiram de volta para Nazaré (vide mapa pg6), cidade em que Maria morava quando engravidou. A Sagrada família, então ficou morando em Nazaré.
Nazaré já estava nos planos de Deus, ela era uma cidade muito pequena, e os moradores eram humildes, simples, viviam basicamente da agricultura, vinha e oliva e muitos esperavam que Salvador iria vir meio a riqueza, mas Deus mostrou que a simplicidade e o coração puro é mais precioso.
Como Deus tinha preanunciado através dos profetas, Jesus ia-se chamar Nazareno, que em grego quer dizer consagrado por excelência; e por Ele viver em Nazaré com seus pais, Jesus ficou conhecido como Jesus de Nazaré.
Quando falamos em anos de silencio, é porque Jesus estava se desenvolvendo como criança, Ele cresceu, estudou, ia à Sinagoga (lugar religioso dos judeus, como se fosse uma igreja), ajudava seu pai na carpintaria, ouvia e seguia os ensinamentos de sua Mãe, era obediente e esforçado.
Mesmo pequeno, com 12 anos ele sabia de sua missão. Vamos ler Lucas 2,42-50
Nessa leitura podemos ver que Jesus começa a preparar seus pais de que ele tem uma missão a cumprir, a de Salvador. Maria muito atenta, guarda consigo as palavras de Jesus. E Jesus viveu sua infância e juventude obediente aos seus pais até tornar-se adulto.
Brincadeira da Família ( O pai mandou ):
Temos que ser obedientes aos nossos pais, vamos brincar de “O pai mandou”, a catequista vai dizer algo para todos fazerem e se ela disser o pai mando antes da ação todos tem que fazer, porém se ela disser somente a ação não é pra fazer. Exemplo: O pai mando pular ( todos devem pular ), e sentar ( não podem sentar ), as crianças que errarem vão saindo.
Lista de ações:
O pai mandou pular,
O pai mandou correr,
O pai mandou parar,
Agachar
O pai mandou ficar com um pé
Com o outro
O pai mandou balançar a cabeça
O pai mandou balançar os braços
Agora os pés
O pai mandou imitar sapo
O pai mandou assoviar
O pai mandou bater palmas
E bater os pés
O pai mandou dançar
O pai mandou levantar os braços
O pai mandou cutucar o amigo
Abraçar
O pai mandou pular pra esquerda
Pra direita
O pai mandou imitar um avião
uma borboleta
O pai mandou abraçar
O pai mandou dar as mãos
Pular

Um comentário:

  1. oi eu amei participar deste blog,vou divugar a todos meus contatos.

    ResponderExcluir